Share on facebook
Share on pinterest
Share on print

Visite o Parque Natural da Ria Formosa para desfrutar da natureza, extensas e isoladas praias, cultura e atividades tradicionais no Algarve!

O Parque Natural da Ria Formosa é um verdadeiro santuário natural, um dos mais bem conservados do litoral europeu, situado no sul do Algarve.

Aliás, a Ria Formosa até foi eleita uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal!

Por isso, é a nossa proposta para um Algarve diferente e genuíno – ligado ao mar, à ria e à natureza.

Mapa da Ria Formosa

Venha visitar connosco a Ria Formosa e usufruir de locais paradisíacos, com ilhas de grande beleza natural e extensas praias de areia branca, com águas amenas e cristalinas. Bem como, conhecer locais interessantes e cheios de história no Algarve.

Parque Natural da Ria Formosa

O Parque Natural foi criado em 1987 e tem uma área de 18.000 hectares, ao longo de 60 km de costa. Com efeito, começa na Praia de Cacela Velha e termina na Quinta do Lago, envolvendo os concelhos de Vila Real de Santo António, Tavira, Olhão, Faro e Loulé.

Este vasto ecossistema de características ecológicas únicas, faz parte da Rede Natura 2000. Ainda mais, é considerado uma Zona Húmida de Interesse Internacional, protegida pelas convenções de Ramsar e de Berna.

Sabia que … existe um dragão na Ria Formosa?

No nosso passeio de girocóptero (da SkyXpedition), tirámos foto para comprová-lo!

Vista aérea sobre o dragão de Tavira (com as salinas ao fundo), na Ria Formosa,
Vista aérea sobre o dragão de Tavira (com as salinas ao fundo), Ria Formosa

Ilhas-Barreira e Penínsulas na Ria Formosa

A Ria Formosa possui um sistema que impede que a força das marés destrua a laguna, constituído por cinco ilhas-barreira e duas penínsulas. De nascente para poente, encontramos a península de Cacela, as ilhas-barreira de Cabanas, Tavira, Armona, Culatra e Deserta (ou Barreta) e a península do Ancão.

Todas separadas por barras, que permitem a entrada e a saída das águas e das embarcações vindas do Oceano Atlântico. Assim, existem as barras do Lacém, Tavira, Fuzeta, Armona, Faro/Olhão e Ancão (ou São Luís).

Entrada da Barra Faro/Olhão (vista do farol) Ilha da Culatra
Vista para a Barra Faro/Olhão, Ilha da Culatra

No seu conjunto, todo este sistema é dinâmico, em que, pois a ação do vento e do mar faz variar a configuração das ilhas e penínsulas.

Praias na Ria Formosa

Ao longo do Parque Natural encontram várias praias em estado selvagem e longe das multidões que costumam, sobretudo no verão, chegar ao Algarve.

Estas praias de areia douradas e finas e com águas cristalinas, calmas e quentes oferecem primordialmente boas condições para a família ter uma férias descansadas!

Vista aérea da Ria Formosa através de um gericóptero
Vista aérea sobre a Ria Formosa

Nestas praias aproveite sobretudo para passear nos areais, observando a rica flora e fauna e a ligação da natureza com o mar e a Ria.

Ao longo do artigo, iremos dar a conhecer várias propostas concretas de praias.

CONDUTA NO PARQUE NATURAL

Não nos podemos esquecer que estamos dentro de uma área protegida! Para que futuras gerações possam também usufruir de toda aquela beleza da natureza, com destaque para as praias em estado “selvagem”, é necessário uma conduta que proteja os delicados ecossistemas naturais.

Veja aqui o Código de Conduta e boas práticas dos visitantes nas áreas protegidas.

Visitar Cacela Velha

Cacela Velha é um pitoresco povoado na costa litoral do Algarve (entre Tavira e Vila Real de Santo António), de onde se tem uma das surpreendentemente melhores vistas sobre a Ria Formosa.

De influências quer árabe, quer medieval, esta terra de história e de poetas foi convidada pela UNESCO para integrar a lista indicativa de candidatura a Património Mundial.

Vista de Cacela Velha para a Ria Formosa
Vista de Cacela Velha para a Ria Formosa

Do núcleo histórico, bem preservado, observa-se o espelho de água com os barquinhos fundeados na Ria. As águas calmas permitem a recolha de moluscos e bivalves na maré baixa.

Ao fundo vê-se o extenso areal da Praia de Cacela Velha (ou da Fábrica), considerada uma das melhores do mundo!

Saiba tudo o que não pode perder aqui em: Cacela Velha, uma jóia da Ria Formosa a não perder.

Partir da Fuzeta

Fuzeta, cujo nome é diminutivo de foz (do rio que ali desagua). Em suma, é uma terra de pescadores, que no passado tiveram participação na epopeia da pesca do bacalhau.

A localidade possui várias casas de forma cúbica, com açoteias (terraços), mercado e igreja matriz. Ao longo da zona ribeirinha encontra-se o porto de pesca.

Aqui junto ao cais, pode-se por exemplo apanhar o barco para a ilha da Armona, ou um áqua-táxi para as praias, ou lagoas ali perto.

Cais da Fuzeta, Barco da Passeios Ria Formosa
Cais da Fuzeta

Nós optámos por fazer um tour através da Passeios Ria Formosa, que gostámos imenso! Mais à frentes daremos mais pormenores.

A pé do centro da Fuzeta, chega-se à Praia dos Tesos (ou da Fuzeta Ria) para quem não quiser apanhar barco. O nome da praia deve-se certamente a isso mesmo (não gastar dinheiro na viagem do barco!).

Fuzeta Praia dos Tesos
Praia dos Tesos, na Fuzeta

Conhecer a Ilha da Armona

Longe das multidões, a Ilha da Armona é apenas visitável de barco. Tem 9 km de comprimento, extensos areais praticamente “intocados” e é rica em vida selvagem.

Sabia que … existe uma Veneza da Ria Formosa?

Na maré-alta, as águas da laguna chegam junto das casas na Ilha da Armona.

Ilha Armona na maré alta - a Veneza da Ria Formosa
Ilha Armona na maré alta – a Veneza da Ria Formosa

A 5 minutos de barco a partir do cais da Fuzeta, no extremo este da Ilha da Armona, na baixa-mar, podes desfrutar de um verdadeiro paraíso bem isolado.

Assim, junto da Barra da Fuzeta, por ação natural, são formadas lagoas, sem grande profundidade, de água quente, ideais para famílias (ou para quem gostar de estar de molho!)

Não tem equipamentos de apoio, nem vigilância.

Lagoas na Barra da Fuseta
Lagoas na Barra da Fuzeta

A 1,5 km fica a Praia da Fuzeta Mar, onde imperam o areal a perder de vista e a bonita paisagem natural, rodeada de valiosa flora nas dunas. Esta praia possui estruturas de apoio e vigilância.

Cais de acesso da Praia Fuseta Mar na Ilha da Armona
Cais de acesso à Praia da Fuzeta Mar, na Ilha da Armona

Armona (localidade)

A poente fica o povoado da Armona, com várias casas de veraneio, bem como parque de campismo (com bungalows), restaurantes, bares e apoios para atividades náuticas.

Logo após do cais de embarque, fica a Praia da Armona Ria com águas mais tranquilas.

Praia Armona Ria na Ilha da Armona
Praia da Armona Ria

Atravessando a localidade e o passadiço sobre as dunas chega-se à Praia da Armona Mar também com estruturas de apoio e vigilância. A tranquilidade convida a caminhadas pelo vasto areal e os bancos de areia à entrada da Barra formam autênticas piscinas. Vai um mergulho? 

Praia Armona Mar na Ilha da Armona
Praia da Armona Mar

Como chegar à Ilha da Armona?

À Ilha da Armona acede-se de ferry, que se pode apanhar em Olhão, ou na Fuzeta.

Cais da Ilha Armona
Cais da Ilha da Armona

Restaurantes na Ilha da Armona

A localidade da Armona possui vários restaurantes e cafés, sobretudo perto do Cais de Embarque.

Explorar a Ilha da Culatra

A Ilha da Culatra é uma das ilhas-barreira do Parque Natural da Ria Formosa.

Esta ilha de pescadores é procurada pelas belas e extensas praias, de areias claras e finas e com águas cristalinas e quentes. Um passeio pela ilha permite observar a rica fauna e flora, a laguna e o mar. 

Vista para a Ilha da Culatra, do cimo do Farol do Cabo de Santa Maria
Ilha da Culatra

Sem dúvida, a Ilha da Culatra oferece boas condições para umas férias descansadas!

Inspire-se aqui no nosso artigo sobre Visitar a lha da Culatra: ilha de pescadores no Algarve.

Descobrir a Ilha Deserta (ou Barreta)

A Ilha da Barreta, também chamada de Ilha Deserta, faz jus ao nome. É uma ilha desabitada e pouco frequentada, tem cerca de 11 km de comprimento (por 70 a 700 metros de largura). 

Esta ilha tem uma praia vigiada muito bonita, onde é possível usufruir da natureza num ambiente tranquilo e relaxado.

Todos os pormenores sobre como chegar, o que ver e fazer nesta ilha e outras dicas interessantes são explicados aqui: Ilha Deserta: natureza e praia quase exclusiva no Algarve.

Outros Locais de Interesse na Ria Formosa

Dado que a Ria Formosa tem muito que ver, pensamos assim que nos for possível visitar:

  • Ilha de Tavira, com extensas e belas praias e Tavira, de influências fenícia, romana e árabe;
  • “Ilha de Faro” (Península do Ancão) e Faro, capital da região do Algarve;
  • Olhão, ligada ao mar e à Ria, com o Centro de Educação Ambiental de Marim (sede do Parque Natural da Ria Formosa).

Conhecer os Habitats, Fauna e Flora

Para os que gostam de saber mais sobre o Parque Natural da Ria Formosa, partilhamos agora o que vimos sobre a variedade de habitats, flora e fauna.

Habitats no Parque Natural da Ria Formosa

No Parque Natural da Ria Formosa destacamos os seguintes habitats, com flora e fauna próprios:

  • Dunas, de areias movimentadas pela ação do vento e entre o mar e a laguna;
Habitat Ria Formosa Dunas
Dunas na Ria Formosa
  • Sapais, submersos na maré-alta e a descoberto na maré-baixa (mostrando 80% do fundo da laguna), encontram-se cheios de vida animal;
Habitat Ria Formosa Sapal
Sapal na Ria Formosa
  • Matas, sobretudo com pinheiros mansos e bravos.

Uma diversidade de flora e fauna também se encontra junto dos cursos de água que desaguam na laguna (rios e ribeiras do Gilão, Seco, Cacela, Lacém e Almargem), das salinas e das áreas agrícolas já em terra firme.

Flora no Parque Natural da Ria Formosa

O Parque Natural é inegavelmente um local de grande biodiversidade de flora, que varia em função do habitat:

  • Nas dunas, a vegetação é resistente dado o ambiente seco, perante a proximidade do mar (com ventos carregados de sal e areia), as elevadas amplitudes térmicas e os solos de areia muito permeáveis (permitem a perda excessiva da água da chuva). Por aqui encontram-se plantas com nomes interessantes, como cordeirinhos-da-praia, feno-das-areias, couves-marinhas, trevos-de-creta e cardos-marítimos;
  • Nos sapais, os sedimentos aí depositados na variação das marés criam substrato para as plantas. Nos sapais existem, entre outras, as salicórnias (sal-verde), as sarcocónias, as morraças, os juncos e outras variedades de vegetação;
  • Nas matas existem pinheiros mansos e bravos, sobreiros e zambujeiros. Vêm-se também medronheiros, estevas, tojos, sargaças e várias ervas aromáticas, como rosmaninhos e tomilhos (erva-ursa e outros).
Flora Ria Formosa
Flora na Ria Formosa

Fauna no Parque Natural da Ria Formosa

No Parque Natural encontra-se uma diversidade de animais.

Aves na Ria Formosa

É uma zona privilegiada para numerosas espécies de aves que a procuram, quer para nidificação, quer na sua migração ou invernada.

Aves (Colhereiros, Cegonha-branca e Ostraceiros) na Ria Formosa
Colhereiros, Cegonha-branca e Ostraceiros na Ria Formosa

Entre as aves mais raras está a galinha-sultana, que é aliás o símbolo do Parque Natural da Ria Formosa. Por ser rara, não a conseguimos fotografar 😢!

Aves na Ria Formosa Garça Branca, Pilrito comum e Gaivotas
Garça-branca, Pilrito-comum e Gaivotas, na Ria Formosa

Peixes, Moluscos, Crustáceos na Ria Formosa

No Parque Natural existem diversas espécies de peixes, bem como moluscos e crustáceos, que aqui vêm alimentar-se e reproduzir.  Entre os peixes, salientamos o mais enigmático – o cavalo-marinho, além disso há robalos, douradas, sargos, linguados e enguias.

Entre os moluscos mais conhecidos salientamos as ostras, amêijoas, lingueirões, berbigões, conquilhas, mexilhões e búzios. Dos crustáceos destacam-se sobretudo os caranguejos e os camarões.

Caranguejos Ria Formosa
Caranguejos, na Ria Formosa
Concha na Ilha Deserta ou Barreta
Enorme Concha, na Ilha Deserta

Mamíferos e Répteis na Ria Formosa

Dos mamíferos destacam-se a lontra, texugo, fuinha, geneta, saca-rabos e raposa.

Cão de Água Português

O Cão de Água Português, anteriormente chamado Cão de Água Algarvio, por ter sido frequente no Algarve. Trata-se de uma raça rara, muito ativa, amigável e com os sentidos da visão e do olfato apurados.

Os cães de água portugueses têm pêlo comprido e patas com membrana interdigital, o que os torna inegavelmente nadadores e mergulhadores exímios. Nos barcos, ajudavam os navegadores e pescadores a apanhar peixe ou algo que caísse ao mar, e recebiam igual quinhão no resultado da pesca, como se de um tripulante se tratasse.

Lembram o cão dos Obama?

Aliás, estiveram dois cães de água portugueses na Casa Branca (o “Bo” e a “Sunny”). Porquê? Dado que uma filha do ex-presidente dos EUA era alérgica a cães, o cão de água português foi considerada uma raça adequada pois não possui subpelo e assim não liberta tanto pelo com outras raças.

Cão de água português
Cães de água portugueses

Dos répteis presentes no Parque Natural, o mais popular é o camaleão, ameaçado de extinção, seguido dos cágados. Não temos fotos dos camaleões mas eles habitam por aqui.

Entender as Atividades na Ria Formosa

Na Ria Formosa “borbulham” várias atividades de interesse económico para a região algarvia.

Marisqueio e Criação de Ostras E AMÊIJOAS

Mariscadores na Ria Formosa
Mariscadores na Ria Formosa

Nos marismas (pântanos de água salgada) e na maré-baixa vêem-se homens e mulheres na atividade do marisqueio – apanha de moluscos e bivalves.

Apanha de Ostras e Bivalves
Criação de Ostras e Bivalves, na Ria Formosa

Também se podem observar os viveiros com estacas para a criação quer de ostras, quer de amêijoas.

Pesca, Extração de Sal e de Areia (para as Ostras)

A pesca da sardinha e do atum (nos vários Arraias que por aqui existiram) foram atividades importantes na Ria. Estas atividades estavam ligadas a indústria conserveira e à extração de sal, podendo-se ainda hoje observar várias salinas.

No nosso passeio vimos igualmente barcos dirigindo-se para a pesca no Oceano Atlântico. Outras embarcações faziam a extração de areia, drenando as entradas das barras – areia essa necessária para ser colocada nos viveiros das ostras.

Pesca e Extração de Areia na Ria Formosa
Pesca e Extração de Areia na Ria Formosa

Navegação, Turismo, Agricultura, PISCICULTURA e Outras

Todavia, além das referidas atividades também existem outras com importância, como a navegação, o turismo e a agricultura (que inclui a produção de citrinos, frutos secos e olival).

Nas antigas salinas exerce-se igualmente a piscicultura (com a douradas, robalos, sargos e outros peixes).

Locais de Interesse Histórico na Ria Formosa

Na Ria estiveram povos, como por exemplo romanos e árabes, cuja herança vai além dos vestígios arqueológicos descobertos. Podemos encontrar igualmente a sua presença em diversas atividades, como na agricultura (hortas e produção de citrinos) ou na disposição dos núcleos urbanos.

Do rico património histórico ao longo da Ria Formosa, destacamos as fortalezas de defesa da costa (Cacela Velha, Forte do Rato em Tavira e Forte de São João da Barra ou da Conceição em Cabanas), bem como as torres de vigia (Torre de Aires e Torre de Bias na Fuzeta).

Torre de Aires Ria Formosa
Torre de Aires, na Ria Formosa

Ao passo que existem dentro do Parque Natural também casas apalaçadas, quintas rurais, igrejas, capelas, moinhos de maré e muito mais.

Outras Atividades a Fazer na Ria Formosa

Visitar o Centro de Interpretação do Parque Natural da Ria Formosa – ICNF

Numa visita ao Centro de Interpretação do Parque Natural da Ria Formosa, na Quinta do Marim em Olhão, pode ver quer tanques de salga romanos, quer um moinho de mar e uma antiga nora. Aliás é aqui a sede desta área protegida!

Aqui podes também igualmente fazer um percurso pedestre.

Moinho de Maré Quinta do Marim, Olhão
Moinho de Maré Quinta de Marim, Olhão

Fazer um Tour de Barco na Ria Formosa

Fazer um passeio de barco pela Ria Formosa, parando em locais paradisíacos, é outra sugestão de atividade.

Nós tivemos uma agradável experiência com a empresa “Passeios Ria Formosa”, que nos ajudou a compreender melhor e a valorizar este santuário natural, que é a Ria Formosa.

O tranquilo Passeio de Barco para visitar as principais ilhas-barreira foi muito instrutivo.

Boat Tours Ria Formosa, barco da Passeios Ria Formosa
Boat Tours na Ria Formosa

Dessa forma, vimos extensas praias, piscinas naturais onde apetece ficar, tranquilos povoados à beira-ria, viveiros de ostras e a apanha de amêijoas, e muito mais.

Por fim, o nosso guia, Sr. Roberto, foi muito atencioso, profissional e um verdadeiro conhecedor da Ria.

Andar de Kayak na ria formosa

Entre as atividades de lazer que se podem fazer na Ria Formosa, para os amantes do desporto, sugerimos andar de Kayak.

Kayak na Ria Formosa
Kayak na Ria Formosa

Praticar Golfe na Quinta da Ria

Dentro do Parque Natural fica o empreendimento Quinta da Ria, que usufrui de uma vista espetacular sobre a Ria Formosa, o mar e as praias em volta.

Golfe na Quinta da Ria
Golfe na Quinta da Ria, na Ria Formosa

Este resort contém dois campos de golfe de 18 buracos (Quinta da Ria e Quinta de Cima), uma academia e um campo de prática de golfe para aprendizagem e aperfeiçoamento. Junto aos campos fica o reconhecido hotel Robinson Club Quinta da Ria.

Alojamento nas Ilhas da Ria Formosa

As Ilhas da Armona e da Culatra possuem vários alojamentos locais. Na Ilha Deserta não existem locais para pernoitar.

Parque de Campismo na Ria Formosa

Na Ilha da Armona há um Parque de Campismo da Orbitur e na Ilha de Tavira existe um outro.

Barco Casa na Ria Formosa

Nós dormimos num Barco-Casa da empresa Passeios Ria Formosa, em concreto, no “Barra Nova” que fica situado próximo da entrada da Barra da Fuzeta (que divide a Ilha da Armona da Ilha de Tavira).

Este novo barco, que possui portas espelhadas em toda a extensão (que permitiu vermos para fora e não sermos vistos dentro), ofereceu-nos inesperadamente ótimas condições de conforto.

Com efeito, estava muito limpo e bem decorado. Tinha cama de casal, kitchenette toda equipada e wc com espaçosa área de duche (de água quente).

Barco Casa Fuzeta Passeios Ria Formosa
Barco Casa, na Ria Formosa
Jantar a bordo do Barco Casa da Passeios Ria Formosa, Fuzeta
Jantar no Barco Casa, Ria Formosa

Apreciámos as refeições tomadas no terraço do barco, de onde assistimos aos maravilhosos e inesquecíveis pôr e nascer do Sol.

Gostámos sobretudo de sentir a vida da Ria, com a subida e a descida das marés e o movimento das aves e peixes em volta do barco.

Por fim, pegámos um barquinho a remos (disponível), fomos até à margem e do outro lado aproveitámos a desafogada e praticamente deserta praia, passeando junto ao mar.

Não sentimos falta de nada (até surpreendentemente apanhámos rede 4G)!

Guarde um Pin deste artigo, para usufruir a Ria Formosa ao máximo e quando quiser.

PIN Ria Formosa vista aérea
PIN Ria Formosa Destino ideal longe de multidões - Dragão em Tavira
PIN Mariscadores da Ria Formosa

Outros destinos no Algarve

Para saber mais sobre outros LikedPlaces, descubra a nossa página Destinos em Portugal.

Este artigo contém links afiliados. Ao fazer uma compra através desses links, não paga mais por isso e ajuda a manter este blog. Gratos!

Gostou deste artigo? Partilhe-o por favor com os seus amigos!

Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on print
Print
Share on email
Email
Temas
Top Artigos
Categorias
Escolher Categoria
Alojamento

Booking.com

Blog Membro
Selo ABVP Associação de Bloggers de Viagem Portugueses
Previsão do Tempo
Previsão do Tempo